Potiraguá: prefeitura paga R$ 3 mil para empresa ampliar duas fotos

A prefeitura da cidade baiana de Potiraguá pagou um preço inusitado para solicitar a uma empresa que fizesse uma ampliação de fotos de uma vista aérea. Usando o erário público, a gestão firmou contrato com uma empresa de Aracaju e pagou a ela R$ 3 mil pelo serviço. De acordo com a comunicação do Diário … Leia Mais


Governador quer solução pacífica para conflito em Buerarema

O governador Jaques Wagner pretende ir esta semana a Brasília para uma audiência com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, em busca de uma solução para os conflitos entre produtores rurais e índios do município de Buerarema, no Sul da Bahia. Nesta segunda-feira (2), na Governadoria, o governador se encontrou com representantes dos produtores … Leia Mais


Emasa abre buraco e não fecha no Sarinha

Os moradores da Rua Corbiniano Freire, bairro Sarinha Alcântara, estão na bronca com o descaso da Emasa. Profissionais foram designados para resolver um problema na rede há mais de uma semana, mas não foram liberados para fechar o buraco após o termino do serviço. “A gente fica aqui com carros quase batendo todos os dias, … Leia Mais


Plano Plurianual prevê muitos investimentos para Itabuna até 2017

A Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Planejamento e Tecnologia (Seplantec), entregou nesta sexta-feira, 30, à Mesa Diretora da Câmara de Vereadores o Plano Plurianual Participativo (PPA) do Município, que norteará os investimentos públicos nos próximos quatro anos nas áreas de Saúde, Infraestrutura Urbana, Educação, Assistência Social, Esportes, Cultura, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico. … Leia Mais


Rodovia Itabuna-Ilhéus interditada por sindicalistas


A rodovia ficou interditada por meia hora Foto: Oziel Aragão/Plantão Itabuna
A rodovia ficou interditada por meia hora Foto: Oziel Aragão/Plantão Itabuna

O Dia Nacional de Luta nesta sexta-feira (30) terá manifestações de inúmeras categorias, organizadas por Centrais Sindicais como Central Única dos Trabalhadores (CUT), Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB) e Força Sindical. Na Bahia, estão previstas paralisações dos seguintes profissionais: rodoviários, eletricitários, professores, policiais civis, servidores públicos do Estado e de prefeituras, petroquímicos e petroleiros. Em Itabuna, os sindicalistas da região interditaram por meia hora a BR 415, tempo suficiente para formar  uma fila muito grande carros e caminhões.

Segundo o vereador Jairo Araújo, também sindicalista, a luta é para impedir a terceirização da mão de obra em todo Brasil, pois provocaria o fim do FGTS, Férias e 13º. “O nosso país avança em alguns aspectos, mas quando a gente analisa na classe trabalhadora, estamos estagnados”, revela.

Para apagar o fogo foi necessário acionar o Corpo de Bombeiros, já o trânsito foi controlado pelas Polícias Rodoviárias Estadual e Federal.

Os professores da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Ilhéus, cruzarão os braços segundo a Associação dos Docentes (Adusc). Já o transporte coletivo circula normalmente em Ilhéus, mas a expectativa é de que pare no período da tarde.

Em Itabuna, a Polícia Civil já paralisou suas atividades e promete retomar somete no sábado (31). Já o transporte coletivo circula normalmente nestas primeiras horas do movimento.


Itabuna inicia treinamento de profissionais para o combate às drogas


Foto: Pedro Augusto
Foto: Pedro Augusto

“Itabuna dá um grande salto para o enfrentamento do tráfico e uso de drogas a partir da parceria entre o estado, o município e a sociedade no programa ‘Crack, é Possível Vencer’ do Governo Federal, que já começa a ser executado no município. Vamos trabalhar para o fortalecimento da rede de prevenção contra as drogas e acredito no resultado positivo das ações que começam a ser implantadas”. A declaração é do secretário municipal da Assistência Social, José Carlos Trindade, durante a aula inaugural nesta segunda-feira, 26, do curso para treinar policiais militares e guardas civis municipais que irão atuar diretamente no programa.

A solenidade que antecedeu a aula inaugural aconteceu no auditório do Sest/Senat, quando foram apresentadas as ações que serão desenvolvidas a partir do curso. Trindade se disse otimista com relação ao programa pelo envolvimento dos poderes públicos e da sociedade. “Se perdemos, vamos perder juntos, mas não por falta de apoio. Mas acredito plenamente no sucesso e na disposição e preparo de todos os que vão trabalhar nele”.

ascon

O secretário da Assistência Social falou que Itabuna, uma das cidades com maior índice de criminalidade no País, lutou para entrar no Programa “Crack, é Possível Vencer” e informou que a equipe da Secretaria da Assistência Social também já está sendo treinada. Trindade lembrou que o município também já vem trabalhando na promoção à vida, a partir dos centros de Atenção Psicossocial (Caps AD e Infantil) e em outras ações de acesso à cidadania. “Com o reforço que agora chega, com o programa federal, Itabuna avançará muito no controle das drogas”, disse.

O coordenador da 6ª. Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), delegado da Polícia Civil Evy Paternostro, também está confiante no programa, ao destacar que o enfrentamento às drogas deixa de ser uma ação policial e passa a ser uma questão de saúde pública e de assistência social. “A parceria para a execução do programa vai fortalecer ainda mais a rede de amparo social para o resgate de dependentes químicos e sua reintegração à família e à sociedade”, comentou.

O delegado informou que haverá a integração entre as polícias Civil, Militar e Federal, com ações exclusivas, a exemplo da implantação de bases móveis. “A polícia permanecerá nas cenas de uso, interagindo com a comunidade e ajudando a manter os espaços urbanos seguros”.

O treinamento para os policiais militares e guardas civis municipais será coordenado pelo Capitão PM Evandro Borges, coordenador da Policia Comunitária de Salvador, e contemplará um efetivo de 37 profissionais, incluindo a Guarda Civil Municipal. O oficial explicou que o treinamento terá duração de um mês e vai trabalhar em três eixos: prevenção, cuidado e segurança. Segundo o Capitão PM, as ações do eixo segurança serão desenvolvidas em duas frentes. A primeira, com o policiamento ostensivo e de proximidade nas áreas de concentração de uso de drogas, articuladas com saúde e assistência social.

Repressão a traficantes

Já a segunda, vai organizar as ações para diminuir a presença do uso de drogas na sociedade, buscando a desconstrução da rede de narcotráfico, com atuação integrada das polícias Federal, Rodoviária, Civil e Militar no combate ao tráfico e repressão aos traficantes.