Começam a valer novas regras para a certidão de nascimento

As certidões de nascimento, casamento e óbito passam a ter novos modelos a partir desta terça-feira, 21. Dentre as novas mudanças realizadas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) está a obrigatoriedade do número do CPF nos documentos. Os registros emitidos pelos cartórios, além da obrigatoriedade da indicação do número do CPF, inclui também o campo … Leia Mais


Vagas disponíveis para esta terça-feira em Itabuna

O Sine Itabuna divulgou as vagas disponíveis para esta terça-feira, 21, em Itabuna. Há oportunidades operador de caixa, recepcionista de hotel e motorista entregador. O candidato à vaga deve portar número do PIS, PASEP ou NIS; Carteira de Trabalho, RG, CPF, currículo, comprovante de residência e certificado de escolaridade. O Sine Itabuna está localizado na unidade … Leia Mais



Prazo para renovação de contratos do Fies é prorrogado para 30 de novembro

Os estudantes poderão renovar os contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) até 30 de novembro. Originalmente, o prazo terminava hoje, 20, e foi estendido por mais 10 dias. De acordo com o Ministério da Educação, esta é a última prorrogação do prazo e chance dos interessados em continuar com o financiamento. A portaria com a … Leia Mais



Curso para formação de Aprendizes em Mecânica de Teares Circulares será lançado em Itabuna


Será lançado em Itabuna nesta terça-feira, 21, o curso de Formação de Aprendizes em Mecânica de Teares Circulares.

A implementação acontece por meio de parceria entre a Trifil (Itabuna Têxtil) e o Senai de Ilhéus.  Curso trará novas oportunidades profissionais para os jovens itabunenses, que pretendem ingressar no mercado de trabalho da atividade mecânica.

A solenidade está prevista para começar às 10h da manhã e contará com a presença de representantes do Executivo municipal e a presidente da Trifil e da Lupo, Liliana Aufiero.


Na Bahia, negros ganham quase 40% menos do que brancos


Depois de quatro anos, a diferença de rendimento entre negros e brancos – que sempre foi alta – voltou a crescer. Com a crise no mercado de trabalho, em 2016, a diferença na renda chegava a 34% menos para os negros no terceiro semestre daquele ano. Agora, em 2017, os números indicam uma disparidade ainda maior: negros ganham 36,3% menos do que brancos na Bahia. Os dados foram divulgados hoje,20, pelo IBGE.

E as estatísticas continuam assustadoras: quanto mais escura a cor da pele, menor será a renda. Isso porque o órgão federal considera ‘negros’ aqueles que se autodeclararam pretos ou pardos.  Na Bahia, no 3º trimestre deste ano, enquanto os brancos que trabalhavam ganharam, em média R$ 1.945, os pardos receberam R$ 1.263 (35,1% menos), enquanto os pretos tiveram rendimento de R$ 1.175 (quase 40% menos). (Do Correio)