As aulas de hoje não temA festa mais esperada do Ano, é neste sábadoBruna_DinizA Lomba é eletrônica e justifica-se para a redução de acidentes1504062_10200716263388519_7273876292235735494_n
Axe da Sorte

Adolescente de 15 anos, é assassinada no bairro Nova Itabuna

mtMais um assassinato foi registrado em Itabuna, desta feita na Rua B, no bairro Nova Itabuna. Brenda Silva, de 15 anos, foi morta a tiros, e uma jovem identificado como Gabriel Oliveira, o Chuck. Em entrevista ao Programa o Crime Não Compensa, Difusora, através do repórter Wadson Santos, que apenas chamou a vítima, mas não atirou nela.

 

Ovos da Páscoa feitos em Ilhéus é destaque na UOL

Na cozinha da própria casa, o empresário Carlos André Serra, de Ilhéus (BA), produz trufas e ovos de Páscoa caseiros; na imagem, ele prepara amêndoas que serão usadas para dar sabor ao produto Leia mais Oziel Aragão/UOL
Na cozinha da própria casa, o empresário Carlos André Serra, de Ilhéus (BA), produz trufas e ovos de Páscoa caseiros; na imagem, ele prepara amêndoas que serão usadas para dar sabor ao produto Leia mais Oziel Aragão/UOL

Afonso Ferreira
Do UOL, São Paulo

Fazer ovos de Páscoa com recheio de frutas regionais como cajá e cupuaçu é a aposta do microempresário Carlos André Serra, 27, de Ilhéus (BA), para conquistar a clientela. Os ovos trufados são feitos na cozinha da casa do empreendedor e os dois sabores são a novidade do negócio para este ano, segundo Serra.

No último mês, a Sabores do Cacau, empresa comandada por Serra, recebeu cerca de 500 pedidos de ovos de Páscoa, volume 17% maior do que em 2013, quando ele vendeu 415 ovos de chocolate, de acordo com o empreendedor. O preço de cada unidade varia de R$ 12 a R$ 45, dependendo do peso e do sabor.

trufas20

“Boa parte desse aumento se deve aos novos sabores regionais dos ovos de Páscoa acrescentados no cardápio deste ano. Eles têm despertado a curiosidade da clientela”, diz.

Serra afirma que produz 28 sabores de ovos que incluem –além de cajá e cupuaçu– brigadeiro, café, chocolate com pimenta, cereja, licor de cacau, morango, uva, maracujá, entre outros. Os pesos são: 250 g, 350 g, 500 g e 1 kg.

O empresário não revela o faturamento do negócio, mas diz que é microempreendedor individual, categoria cuja receita bruta anual é de até R$ 60 mil.

De acordo com Serra, a maior parte das frutas utilizadas nos recheios vem do sítio da família. O restante é adquirido em feiras livres. “Com isso, conseguimos ter custos de produção um pouco menores”, diz.

Filho ajudou mãe a fazer ovos de Páscoa para escola

Serra diz que começou a fazer ovos de Páscoa caseiros em 2001, quando precisou ajudar a mãe, Lina Eugênia Serra, 51, a fazer alguns ovos de chocolate para os alunos da escola infantil onde ela dava aulas. “As crianças e os pais adoraram. No ano seguinte, começamos a receber pedidos extras de amigos”, afirma.

Leia mais na matéria original no site UOL

http://economia.uol.com.br/empreendedorismo/noticias/redacao/2014/04/17/sabores-regionais-como-caja-e-cupuacu-ajudam-a-vender-ovos-de-pascoas-na-ba.htm#fotoNav=4

Assassinato no Parque Verde em Itabuna

homicidioitabunaparqueverde homicidioitabunaparqueverde2Antes da informação oficial da Greve da Polícia Militar na Bahia, um jovem identificado como Daniel Nascimento, conhecido como “Del”, foi assassinado no bairro Parque Verde.

A polícia recebeu informação que, os assassinos teriam saído de um Táxi, e atiraram  contra o rapaz. A suspeita é que este carro foi roubado momentos antes, no bairro Parque Boa Vista.

Daniel é filho de um taxista da cidade. Até o momento não há informações sobre a autoria e motivação do crime.

Radar.

Ladrão é detido com populares e leva uma surra em Itabuna

A foto é de um leitor do Plantão Itabuna, no momento que o acusado foi detido
A foto é de um leitor do Plantão Itabuna, no momento que o acusado foi detido

Um homem de aproximadamente 40 anos, foi detido na Avenida Juraci Magalhães, Centro de Itabuna, no inicio da tarde de hoje (17) próximo a uma padaria. O acusado estaria roubando um táxi, após ser alcançado por populares, houve um inicio de linchamento, mas a Guarda Municipal foi acionada e conduziu o ladrão para o Complexo Policial.

 

Fim de greve da PM na Bahia

Comandante, Bispo e Marco Prisco se reuniram hoje
Comandante, Bispo e Marco Prisco se reuniram hoje

Foi divulgado oficialmente o fim greve da Polícia Militar na Bahia. Hoje pela manhã, 17, representantes das associações se reuniram com o Governo e apresentaram a decisão agora há pouco para o PMs aquartelados.

Uma liminar concedida pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), em Brasília, determina o fim imediato da greve dos policiais e bombeiros militares da Bahia sob pena de pagamento de multa diária de R$ 1,4 milhões de reais. Além da decisão, a Justiça também ordenou o bloqueio dos bens do vereador Marcos Prisco, líder da Associação dos Policiais e Bombeiros do Estado da Bahia (Aspra).

A multa deverá ser paga por 14 réus da ação do Ministério Público Federal da Bahia (MPF-BA) – além de Marcos Prisco e da Aspra, são citadas as Associação de Praças da Polícia Militar da Bahia (APPM/BA), Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia (AOPM/BA – Força Invicta), Associação dos Oficiais Auxiliares da Polícia Militar do Estado da Bahia (AOAPM/BA), Associação dos Subtenentes, Sargentos e Oficiais da Polícia Militar Da Bahia – (ABSSO/BA), Associação dos Bombeiros Militares da Bahia (Associação Dois de Julho/Ba), Jackson da Silva Carvalho, presidente da ABSSO/BA, Agnaldo Pinto de Sousa, presidente da APPM/BA, Edmilson Tavares Santos, presidente da AOPM/BA – Força Invicta, José Alberto da Silva, diretor financeiro da AOAPM/BA, Nelzito Coelho Oliveira Filho, presidente da Associação Dois de Julho/BA, Ubiracy Vieirados Santos, presidente da AOAPM/BA e Paulo Sérgio Simões Ribeiro, diretor financeiro da AOPM/BA – Força Invicta.

Correio 

A decisão foi tomada na tarda da quarta-feira (16), depois de que foi decretada a ilegalidade da greve dos PMs. O bloqueio de bens visa garantir o ressarcimento dos prejuízos causados aos cofres públicos, a exemplo do uso da Força Nacional de Segurança Pública para o estado.

Greve: Loja de Bolsas é arrombada,dois mortos e veículos roubados em Itabuna

prontaroubosowbolsas

O balanço em Itabuna, após às 24 horas de Greve da Polícia Militar, é negativo, com dois assassinatos, sendo um homem chamado “Pelezinho”, executado no bairro Califórnia, próximo a uma boca de fumo. A vítima era usuário, pedreiro e teria sido induzido a comprar maconha, pois o verdadeiro alvo já sabia que estava sendo procurado. Já a jovem Franciele Jacó, de 19 anos, foi morta no Antique, chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

Franciele teria envolvimento com as drogas
Franciele teria envolvimento com as drogas

No que se refere aos crime contra o patrimônio, foram de seis motos roubadas, um carro e uma loja arrombada na Paulino Vieira. Nesse caso, o ladrão foi preso.

Amigos afirmam que Pelezinho caiu numa "laranjada"
Amigos afirmam que Pelezinho caiu numa “laranjada”

Na cidade, os tiros deflagrados em vários bairros da cidade, deixou três pessoas baleadas, sendo dois adolescentes. Segundo os próprios moradores dessas comunidades, os estampidos foram ensurdecedores.

prontaroubosowbolsas2

Greve

Existem rumores, entre os policiais militares, que a Greve pode acabar a qualquer momento, pois as negociações estão avançadas com o governo do estado. Outro fator que está pesando nesse caso, são os interesses políticos por trás das articulações de pré-candidatos a Deputados e Senadores, o que não recebe o apoio da população, bem diferente de 2012, quando o movimento nasceu de forma espontânea e foi ganhando força em toda Bahia.

 

Cruzeiro empata com o Cerro Porteño no último minuto do jogo

Imagem G1
Imagem G1

Um gol no último minuto de jogo. Emoção demais para o torcedor cruzeirense que encheu o Mineirão e quase voltou para casa lamentando a derrota na partida de ida das oitavas de final da Libertadores. O time perdia até os 48 minutos, quando o lateral-esquerdo Samudio pegou o rebote e acertou, de pé direito, o gol que empatou a partida com os conterrâneos. Angel Romero abriu o placar para o Cerro Porteño aos 31 do primeiro tempo.

O jogo de volta será dia 30 de abril, quarta-feira, às 22h (de Brasília), no estádio General Pablo Rojas, em Assunção, capital do Paraguai. Antes disto, os dois times têm compromissos pelos campeonatos nacionais. Na estreia no Brasileirão, o Cruzeiro vai a Salvador, enfrentar o Bahia, domingo, às 16h, na Arena Fonte Nova. O Cerro Porteño joga segunda-feira, às 20h, contra o Deportivo Capiata, em Assunção, pelo Campeonato Paraguaio.

Jogo duro

O Cruzeiro começou o jogo fazendo o de costume quando atua no Mineirão. Encurralou o Cerro Porteño no campo de defesa, sufocou o adversário e criou várias jogadas de perigo, abusando da velocidade, um dos seus pontos fortes. Prova disto são as cinco finalizações antes dos 15 minutos iniciais. A bola insistia em habitar a área do time paraguaio, mas faltava ao Cruzeiro um jogador com características de atacante matador, daquele tipo que não perdoa e não hesita em mandar a bola para as redes do rival.

G1

Greve da PM: Veja qual cidade aderiu ao movimento no interior

RTEmagicC_333297ef95.jpg1ª – Feira de Santana

1) A PM local aderiu a greve.
2) Comércio fechou as portas e houve Saques em supermercados e mercearias dos bairros.
3) Até o momento 18 CVLI (16 homicídios e 2 latrocínios), além de 02 mortes decorrentes de intervenção policial
4) Policial Militar da cavalaria, Thiago Lago, assassinado pela manha, atingido com dez tiros. Dois Policiais militares alvejados por arma de fogo, SD Renier da 26ª CIPM e SD Joilson do 5º batalhão.
5)Houve adesão da PC local na paralisação de 24h. Unidades cumprindo os 30% do efetivo.

2ª – Alagoinhas
1) A PM aderiu a greve em Alagoinhas, com algumas viaturas da PM efetuando ronda na cidade de Alagoinhas, demonstrando que a adesão não foi de 100%;
2) Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de algum tipo penal;
4) Não houve outros eventos dignos de nota com relação ao movimento paredista;
5) Houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas, todavia mais de 30% compareceu ao serviço.

3ª – Santo Amaro
1) A PM aderiu a greve e está aquartelada;
2) Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de algum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota;
5) Houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas, seguindo orientação do SINDPOC;

4ª – Santo Antônio de Jesus
1) – A PM Local não aderiu a grave ainda, segundo informações do 14º Batalhão, existem cinco viaturas na área em serviço
2) – Não houve arrastão ou outro distúrbio social;
3) – Não houve aumento de algum tipo penal, tudo transcorre normalmente até o presente momento.
4) – Por volta das 13:00hs, no bairro Alto do Santo Antonio, nesta cidade, ocorreu um assalto ao ônibus da Empresa Lorentur, 04 elementos num veículo pequeno cor prata, armados de revólver, rendeu o motorista, mandando os passageiros descerem do ônibus levando o veículo, juntamente com o motorista e o cobrador, tivemos informações que o motorista e o cobrador foram deixados nas proximidades da Cidade de Governador Mangabeira.
5) – A Policia Civil aderiu a paralisação, porém trinta por cento do efetivo, trabalhando, como Coordenadores do Cartório, Coordenadores do  SI e componentes, e plantão estão trabalhando 02 IPCs, 01 EPC, faltou o IPC. Edson, vale ressaltar que o plantão está sem delegado, pois o DPC Walter Galli, encontra-se de atestado medico de 15 dias, motivo tratamento de saude.

5ª – Valença
1) A PM aderiu a greve, está aquartelada, no entanto ate o presente nenhuma ocorrência relevante e em contato com o Comandante da CIPM local, fui informado que se houvesse algo relevante iriam as ruas;
2) Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de algum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota se há relação com a greve
5) Houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas, no entanto o SI trabalhando dentro da normalidade;

6ª – Itabuna
1)A PM  aderiu a greve viaturas e equipes aquarteladas no 15º BPM.
2) Ocorrências de tiroteios nos Bairros Daniel Gomes, Zizo e Maria Pinheiro, sem vítimas lesionados;
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota;
5) Houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas; observação até as 17h sem registro de CVLI

7ª – Ilhéus
1)A PM local aderiu a greve.
2) Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento.
3) Não houve aumento exponencial de algum tipo penal.
4) Não houve  evento digno de nota.
5)Houve adesão da PC local na paralisação de 24h. Unidades cumprindo os 30% do efetivo. O Exército está nas ruas.

8ª – Teixeira de Freitas
1) A PM local não aderiu a greve. Agindo em casos de flagrante.
2 ) Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento.
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal.
4) Não tivemos nenhum homicídio registrado na cidade de Teixeira de Freitas no período da paralisação. Um roubo no bairro São Lourenço em Teixeira;
5) PC funcionando em estado de alerta; Não houve declaração de adesão a paralisação. Reunião geral que tínhamos marcado para hoje foi mantida, com todos os servidores da 8ª Coorpin.

9ª – Jequié
1) A PM está trabalhando normalmente até o presente momento em todas as cidades da Coordenadoria;
2) Ocorreram alguns assaltos, supermercado e lotérica, mas não ocorreram saques ou crimes similares, o comércio está aberto, movimentação na cidade perto da normalidade.
3)Não ocorreram mortes no dia de hoje.
4)Confirmado Saidão de 95 presos, a lista será enviada em outro e-mail
5) PC funcionando nas cidades da Coorpin, sede funcionou normalmente. DT e especializadas funcionaram pela manhã, sem alteração.

10ª – Vitória da Conquista
1) Os policiais militares no âmbito da 10 Coorpin estão trabalhando, contudo, aguardando novas determinações do comando de greve. A CIPE SUDOESTE colocou 05 (cinco) VTRs em rondas pelas principais ruas de Vitória da Conquista e 04 (quatro) em cidades circunvizinhas que apresentam maior possibilidade de roubo a banco;
2) Nenhum arrastão ou distúrbio registrado até o momento;
3) Não houve aumento significativo de nenhum tipo penal;
4) Nada a declarar;
5) A PC está paralisada, mas as equipes estão nas suas unidades

13ª – Seabra
1) Até o momento PM local não aderiu a greve;
2) Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota;
5) Não houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas.

15ª – Serrinha
1)A PM  aderiu a greve;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota
5) Houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas, conforme estabelecido pelo SINDPOC;

16ª – Jacobina
1)A PM aderiu a greve e está aquartelada, somente saindo se for solicitada.
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3)Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4)Não houve  evento digno de nota;
5)Houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas.

17ª – Juazeiro
1) Houve adesão total da PM a greve;
2)Não há registro de arrastão ou outro tipo de distúrbio social;
3)Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4)Não há, até o momento, evento digno de nota relacionado a greve;
5) Houve adesão da PC local na paralisação de 24h, principalmente na sede

18ª – Paulo Afonso
1)A PM  não aderiu a greve, tanto na sede quanto nas cidades integrantes viaturas circulando. Fonte  TEN CEL JOSEMAR, comandante do 20º BPM;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3)Não houve aumento exponencial de tipos penais;
4)Hoje às 15h, ocorreu a segunda reunião na Sede da Companhia do Exército, com os  comandantes do 20º BPM, da PRF, da Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros, Prefeito Municipal, Ministério Público Estadual e Direto do Presídio,Delegado Titular de Paulo Afonso, onde se tomaram decisões preventivas e preparatórias para estudo da situação e planejamento de ações caso se façam necessárias. Marcada outra reunião às 10h30 do dia 17/04, onde participarão setores da sociedade (bancos, CDL, CHESF).
5)A PC local aderiu a paralisação de 24h, e o atendimento está sendo feito conforme orientação do Sindicato.

20ª  – Brumado
1) A PM aderiu a greve. Na 34ª CIPM ( Brumado) os Policiais Militares continuam aquartelados, atendendo as ocorrências de maior gravidade; Na 46ª CIPM (Livramento de N. Senhora) os Policiais Militares continuam trabalhando normalmente, porém com indicativo de adesão para o dia 17.04.14;
2) Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Houve aumento de roubos a estabelecimentos comerciais:
4) Não houve evento digno de nota se há relação com a greve;
5) Houve adesão da Policia Civil à paralisação de 24 horas, a maioria dos Policiais Civis continuam seguindo as orientações do Sindpoc

21ª – Itapetinga
1) A PM encontra-se aquartelada;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota se há relação com a greve
5) Houve adesão parcial pela PC à paralisação ( policiais civis plantão, DTs e Coordenadoria estão trabalhando)

22ª – Guanambi
1)A PM  aderiu a greve, estão aquartelados, nenhuma viatura circulando;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota se há relação com a greve
5) Os Policiais Civis compareceram ao trabalho mas estão realizando serviços internos, seguindo orientação do Sindpoc

23ª – Eunápolis
1) Nas cidades de Eunápolis e Porto Seguro até agora não houve decisão quanto a adesão a greve por parte da PM;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4) Na noite de ontem houve um homicídio na cidade de Porto Seguro, relacionado ao tráfico.
5) As unidades estão funcionando obedecendo o quanto determinado pelo Sindipoc.

24ª – Bom Jesus da Lapa
1) Adesão total a greve; os PMs permanecerão aquartelados e atenderão às solicitações, não efetuando rondas;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de nenhum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota se há relação com a greve
5) Não adesão da Polícia Civil à paralisação 24hs

25ª – Euclides da Cunha
1) Adesão total a greve;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de algum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota se há relação com a greve
5) Houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas, seguindo orientação do SINDPOC; nenhuma ocorrência registrada até o momento

26ª – Santa Maria da Vitória
1)A PM  não aderiu a greve;
2)Não houve registro de arrastão ou distúrbio social até o momento;
3) Não houve aumento exponencial de algum tipo penal;
4) Não houve  evento digno de nota se há relação com a greve
5) Não houve adesão da Polícia Civil à paralisação de 24 horas, trabalhando normalmente

Greve da PM: Loja é saqueada em Brumado

Fotos: Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias
Fotos: Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

brumado2 brumado3

Uma loja de tecidos, confecções e calçados foi arrombada e saqueada na noite desta quarta-feira (16), no centro comercial de Brumado. Segundo informações obtidas pelo site Brumado Notícias, as câmeras de segurançado local registraram o momento em que cerca de 15 pessoas quebraram a porta de vidro do estabelecimento. Em menos de cinco minutos, o grupo saqueou a loja levando roupas, celulares, cintos, calçados e relógios. O alarme do estabelecimento disparou e uma equipe de segurança e monitoramento da SIEPS, que realizava atividades próximo ao local, chegou rapidamente e perseguiu os elementos, que acabaram deixando algumas peças para trás. 

Fonte: Brumado Notícias

Greve PM: Loja é saqueada em Conquista

Foto: Blog do Anderson
Foto: Blog do Anderson

Uma ótica foi saqueada após ter suas vidraças quebradas, no Centro de Vitória da Conquista, na noite desta quarta-feira (16). Na ótica, localizada na Rua Góes Calmon, os vândalos levaram diversos óculos que estavam expostos na vitrine.

A Tecnoguard, empresa responsável pela segurança privada do estabelecimento, foi acionada, mas os criminosos já haviam fugido. Esse foi o primeiro fato do tipo registrado na Capital do Sudoeste Baiano neste primeiro dia da greve da Polícia Miliar da Bahia.