Idosa narra como enfrentou assassino da filha dela em Itajuípe


Axe da Sorte

Atualizada: Bombeiros e Inema capturam Capivara em estacionamento

10836459_749886921763440_103356916_n

Uma Capivara foi encontrada no estacionamento da Santa Casa de Itabuna, nesta manhã de sexta-feira (28). O Corpo de Bombeiros e o Inema estão capturando o animal silvestre.

Atualizada 11:45

Policiais do Corpo de Bombeiros e representantes do INEMA (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos) capturaram a Capivara por volta das 10:30. O animal misteriosamente foi encontrada debaixo de um carro no estacionamento mencionado. Agora é recolocá-la-ala em seu abitar natural.

Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos

10811566_749886588430140_625925462_n

Sexo vigiado: visita íntima é separada por lençóis e tem hora marcada

RTEmagicC_maes_presas.jpg

Lá não tem espelho no teto, cama redonda nem música ambiente. É um lugar pouco romântico, onde a privacidade de um encontro íntimo se limita a um lençol separando beliches de alvenaria. Mas Lucas* e Ana* não se importam e, por alguns minutos, esquecem que estão dentro de uma cela no prédio anexo do Presídio Salvador. Nada de gritos ou gemidos estridentes. Isso porque a cela em que Lucas, 24 anos, a recebe é a mesma que divide com outros quatro detentos. Ali, apenas cortinas feitas com lençóis, chamadas tihanys, separam os casais. Mesmo sem privacidade, eles se relacionam há três anos.  “Costumamos aumentar o volume da televisão para termos um pouco mais de privacidade”, diz a manicure de 38 anos, que visita Lucas, preso há cinco sob a acusação de homicídio.  Ele já estava na prisão quando a mulher com quem era casado foi assassinada. Passado esse episódio, Ana começou a visitá-lo a pedido do irmão de Lucas, de quem era amiga. Começou levando comida e documentos do filho dele com a falecida esposa. Hoje o menino é criado por Ana, junto com seus outros cinco filhos. (mais…)

Grupo faz arrastão em ônibus e carros na estrada CIA-Aeroporto

Os passageiros de um ônibus da empresa Expresso Metropolitano foram assaltados na BA-526, a estrada do CIA-Aeroporto, em Salvador, no início da manhã desta sexta-feira (28). A ação aconteceu por volta das 5h. Segundo informações da Central de Polícia, cinco homens armados em um Renault Prata desceram do veículo e impediram a passagem do coletivo pela rodovia. Eles roubaram os pertences pessoais dos passageiros do ônibus, e também assaltaram os ocupantes de outros veículos que tentavam transitar pela via. Após o arrastão, o grupo fugiu em outro veículo, um Voyage branco de dados ignorados. Ninguém ficou ferido durante a ação criminosa. Os passageiros assaltados foram encaminhados para a 12ª Delegacia Territorial (DT/Itapuã), onde devem prestar queixa sobre o caso. A polícia ainda não divulgou o que foi levado durante o assalto. Os criminosos ainda não foram identificados e presos pela polícia.

Fonte: Correio

Traficante que atirou em policiais é preso em Amargosa

81149-300x172Adriano Conceição de Jesus, o “Boca de Mel”, de 22 anos, foi preso na última segunda-feira, 24, após atirar contra os investigadores da Delegacia Territorial (DT) de Amargosa, a 235 km da capital baiana. Os policiais apreenderam uma submetralhadora e cocaína em um imóvel, no bairro Alto da Bela vista, utilizado para armazenar drogas, segundo denúncias encaminhadas à DT, quando foram recebidos a tiros pelo traficante. O criminoso foi apresentado pela polícia na tarde desta quarta-feira, 26.

Bahia na Web

 

Rádio Difusora realiza confraternização em Itabuna

Família Difusora 2014 Fotos: Oziel Aragão
Família Difusora 2014 Fotos: Oziel Aragão

A noite de ontem, 26, foi de festa para os colaboradores da rádio Difusora Sul da Bahia AM 640. A equipe se reuniu em um jantar para celebrar o sucesso dos trabalhos realizados em 2014. No encontro, regado à boa conversa e troca de experiências, estiveram presentes o empresário João Lourenço Botti, o diretor da emissora, Antônio Badaró, repórteres, apresentadores, administrativo, auxiliares e convidados amigos.
E uma pausa para os discursos, o apresentador e repórter, Oziel Aragão, representando a equipe da RD, falou da nova era da emissora pautada na valorização do profissional e organização administrativa. O diretor Antônio Badaró também falou o quanto a equipe é responsável pelo crescimento e a permanência da emissora na liderança. “Estamos cada vez mais líder e esse sucesso só é possível graças ao trabalho de vocês,” completou.

Amigos, o Presidente da RD Botti, o diretor Badaró, a família do Jornal Agora (Roberta, Adervan e Maria Antonieta.
Amigos, o Presidente da RD Botti, o diretor Badaró, a família do Jornal Agora (Roberta, Adervan e Maria Antonieta.

Ainda parabenizando os funcionários pelo desempenho e empenho neste ano, João Lourenço Botti adiantou que 2015 será mais um ano de avanço, melhorias e investimentos, mas, não só para o ouvinte,  mas para todos os profissionais que garantem a fidelização desses ouvintes. “Na verdade eu herdei todo esse sucesso de vocês, conseguimos ajustar e manter a grade da emissora e em 2015 nós vamos avançar ainda mais e isso vai passar também  pela valorização de cada um de vocês”, detalhou.(Fotos: Oziel Aragão)

Orlando Cardoso e sua esposa Jó
Orlando Cardoso e sua esposa Jó

Opinião

A Rádio Difusora Sul da Bahia sempre foi representada por bons profissionais, alguns permanecem e outros estão em outras casas da comunicação regional. Em discurso breve, o diretor presente João Botti, destacou as novas contrações e o retorno de alguns comunicadores. João não deixou de esclarecer que pendências existentes de gestões anteriores ainda serão sanadas, porém, existe um impasse administrativo para garantir a segurança dele como empresário e as dos ex-funcionários, garantindo que será uma questão de tempo resolver todos os entraves. Diante mão, ficou notório que uma empresa segue seu curso e que os empregados dela merecem sim, comemorar o sucesso conquistado com o suor e dedicação de cada um.

MPF em Eunápolis denuncia dois índios por homicídio do fazendeiro Raimundo

raimundodO Ministério Público Federal (MPF) em Eunápolis, ofereceu denúncia contra os indígenas da etnia Pataxó Lourisvaldo da Conceição Braz e Valtenor Silva do Nascimento pelas práticas de crimes de sequestro e cárcere privado, homicídio qualificado por motivo torpe (vingança) e de forma que tornou impossível a defesa do ofendido, bem como destruição e ocultação do cadáver do fazendeiro Raimundo Domingues Santos. O crime ocorreu na Fazenda Brasília, na divisa entre os municípios de Itabela e Porto Seguro, no último dia 10 de agosto. De acordo com inquérito da Polícia Federal, Raimundo Domingues Santos e seu compadre Manuel Messias Cardoso foram até a Fazenda Brasília para que Santos pudesse retirar da propriedade alguns animais que lhe pertenciam. O local havia sido ocupado por indígenas da etnia Pataxó em 24 de abril deste ano. Segundo Cardoso, quando eles estavam se preparando para retornar, Braz apontou uma arma em direção a Santos e ordenou que Nascimento amarrasse as mãos dele, impedindo que a vítima pudesse se defender das agressões e sair do local, matando-a posteriormente. Cardoso conseguiu fugir e levar a notícia para os familiares e amigos do fazendeiro no município de Itamaraju/BA, localizado a 739 km da capital baiana.

Veja mais em Teixeira News